Os gurus do Marketing digital nem sempre são honestos com você

Por em
Os gurus do Marketing digital nem sempre são honestos com você

Você certamente tem nomes na sua mente quando alguém fala em “guru do marketing digital”. Se não tem, vou passar o perfil comum e você vai, com certeza, lembrar de alguém:

  • Em geral, são pessoas que gravam vídeos bem descontraídos em um escritório bonito ou em seu home office;
  • Costumam apresentar seus grandes e expressivos resultados para validar o que fazem;
  • Sempre têm um grande segredo para te revelar;
  • São empreendedores de sucesso prontos para te dar a fórmula do sucesso deles.

Lembrou de alguém?

O que os gurus do marketing digital não te contam…

Antes de iniciar a lista, quero deixar claro que não sou contra este tipo de trabalho, mas acho que o marketing promovido por este perfil de profissional é demasiadamente técnico ao ponto de faltar com a transparência. Salvo exceções, gurus que são reais e super recomendáveis, no geral, quase todos se aplicam nesta lista.

Quero que encarem esta lista como um pequeno alerta, algo para que observem antes de seguir o método de algum destes profissionais de marketing.

As técnicas de vendas não servem para qualquer produto ou serviço

Grande parte das técnicas apresentadas como eficazes para vender o seu produto, seja ele qual for, só funciona para vender o que o guru tem para vender para você. Geralmente, eles vendem produtos digitais (ebooks, cursos, treinamentos, consultorias e outros semelhantes), isso porque é algo que não requer logística, apenas uma propaganda vende.

Se você quer usar as mesmas técnicas para vender um serviço como instalação de equipamento, seja qual for, ou um produto físico, ele não vai funcionar, pois você terá custos com entrega e deslocamento, atendimento ao cliente, garantia, impostos, etc. Todos os custos que um produto digital não tem, logo, não terá a mesma verba que eles possuem para investir em publicidade na internet.

A publicidade na internet é, de longe, o maior investimento que eles fazem… E convenhamos, quando se tem dinheiro para publicidade e comunicação fica mais fácil vender alguma coisa seja por onde for. A “técnica mágica” é apenas metade do fator de venda, a outra metade é grana mesmo, como sempre foi. Isso para ser generoso nas proporções e dar um pontinho para estes bons vendedores.

Vale lembrar novamente que existem gurus que são transparentes e se apresentam de forma honesta, cabe a você avaliar isso. Eu não cometeria a loucura de citar nomes neste artigo.

Um método “novo” é apenas uma releitura de uma teoria já consolidada, só que com outro nome

Adoraria citar exemplos aqui para facilitar o seu entendimento meu caro, mas não é possível sem que alguém associe a algum guru, e como já disse antes, não serei louco de citar nomes neste artigo, no entanto, tentarei explicar claramente.

Existem teorias de marketing e comunicação que foram apresentadas há 60 anos, até mais de 100 anos, e que são ensinadas, usadas e evoluídas até hoje dentro das universidades.

O que tenho observado na grande maioria das “técnicas milagrosas” no marketing digital são estas mesmas teorias com o nome trocado e termos adaptados. Nada foi criado de novo e algumas delas até evocam técnicas defasadas, que até podem funcionar em partes, mais por conta da falta de profissionalismo do mercado do que por mérito (que existe) de quem aplica.

As bases dessas teorias muitas vezes são dos mesmos autores de sempre, mas cada guru coloca o nome que lhe convém e apresenta como se fosse dele.

Aqui vale indicar uma obra, antiga, mas a raiz de muitos gurus: “Administração de Marketing” dos autores Kotler e Keller. Trata-se de um livro bem antigo e editado até hoje. Talvez encontre algumas técnicas novas de marketing digital nele.

Não existe o certo e o errado no marketing, só tem o que te convém

Isso mesmo, até colocar palavras com erros de gramática ou fotos de baixa qualidade podem te fazer vender mais, mas isso depende do público, do mercado, do seu produto, dos seus objetivos, da estratégia adotada, etc. São inúmeras variáveis que vão definir o sucesso de suas vendas, que irão definir o que é conveniente.

Isso é básico, ok!

Mas os gurus insistem em definir categoricamente o que pode ou não fazer, o que é certo e o que é “pecado”, pois é assim que é tratado, como um pecado, o que eles consideram errado.

Este discurso serve para isso mesmo, fazer alusão a uma religião, uma espécie de doutrinação, para que ele conte mais com sua fé do que com sua razão na hora de comprar o produto que eles querem vender para você:

A salvação! (na forma de um curso)

No fundo esta é a única técnica que funciona pra eles [doutrinar]. As que ensinam é apenas um pretexto para poder lhe passar um conhecimento que não é novo, mas que vai fazer sentido para você.

Obviamente, nem toda técnica é inválida, são aproveitáveis, afinal estão aí há décadas funcionando, mas você não precisa comprar nada deles para ter acesso a elas. Além disso, essas técnicas e teorias precisam ser adaptadas e selecionadas de acordo com a conveniência e necessidade do que você quer vender e seus objetivos.

Desenvolvi melhor essa ideia em um outro artigo: O que aprendi atendendo mais de 90 empresas nos últimos 2 anos. Abra em nova guia para ver depois que terminar este artigo. Se está gostando deste aqui, vai gostar mais ainda do outro. Clique aqui.

Nem tudo é tendência ou novidade, geralmente é o oposto

Já citei nos parágrafos acima de onde saem a maioria das técnicas. Mas cabe um contra-argumento aqui:

“Ahhh Henrique, mas há 60 ou 100 anos não existia internet, quem dirá mídias sociais para vender produtos e serviços!”

Exato, mas pense o seguinte:

Quando inventaram o telefone, na época era uma novidade como a internet, e surgiram autores com técnicas de vendas pelo telefone, o mesmo com o telégrafo, o mesmo aconteceu com as estradas romanas que tinham fins comerciais além dos militares, rota da seda, etc.

Todas as formas de comunicação (sim as rotas comerciais são meios de comunicação) na história da humanidade tiveram suas teorias e técnicas voltadas para venda, para o marketing. Estas técnicas evoluíram, são as mesmas, mas progrediram dentro das universidades. O mercado só fez adaptar para o veículo que usam: seja telefone, redes sociais, ou porta-a-porta, as teorias podem ser a mesmas, basta ajustá-la ao meio ou a mídia que será usada.

Assim, não existe nada de novo na maioria das teorias e técnicas apresentadas pelos gurus do marketing digital, o que temos é apenas a adaptação delas, e de maneira malfeita, algumas vezes.

É preciso estar alerta, não se deixar levar por qualquer técnica ou teoria só porque funcionou para um guru.

A melhor vacina é o conhecimento. Procure a fonte!

Então, todos os gurus do marketing digital são ruins?

Olha… Se eles se comportam como gurus ou se apresentam como tal, sim!

Entretanto, existem muitos profissionais se mostrando na internet que valem cada aplauso e reconhecimento que possa dar, obviamente, não vou citar nomes aqui também, mas sei que eles estão lendo isso e sabem que falo deles.

É comum encontrar muitos anônimos também que merecem o título de guru. No meu trabalho, eventualmente, atendo clientes que já possuem outras agências contratadas e atuamos juntos em um projeto, também tenho agências parceiras que chamo para alguns projetos. Nestes casos, conheço excelentes profissionais anônimos que mereceriam o título de guru.

O sucesso não é pelo conhecimento e sim pela venda que fazem de si mesmos

Muitos destes gurus ostentam um sucesso alcançado com sua técnica milagrosa e por ter superado os erros, ops o “pecado” do início de carreira e bla, bla, bla… entenda que não é esta a fonte do “sucesso” (com aspas, repare nas aspas) deles.

O “sucesso” que ostentam é decorrente do discurso de ser o melhor e ter a técnica revolucionária. Eles dizem isso em todos os livros, palestras e vídeos no Youtube sem que você perceba e, aos poucos, você compra essa doutrina e consome tudo o que ele te oferece.

Para ter o mesmo desempenho deles você não deve usar a técnica ou teoria dele e sim abrir sua igrejinha e pastorear como eles fazem, mas isso ele abre apenas para alguns.

Resumindo, se seguir o guru doutrinador o máximo que conseguirá é ser um multiplicador e consumidor dele.

Mas de onde vem o sucesso desses gurus?

Acredito que é cultural, muitos gostam do discurso fácil, do ganho descomplicado, de que é tudo muito simples e você pode ter altos ganhos sem fazer muita coisa, sem muitos investimentos. E isso é exatamente o que eles oferecem.

Outro ponto que me preocupa é o fato de flertarem com o estelionato. Vale lembrar que todo golpe de estelionato sempre vem com uma conversa de levar vantagem em algo (dinheiro rápido e fácil). Obviamente, não é o caso destes gurus do marketing digital, mas a proximidade nos discursos me preocupa e vale manter o alerta para isso.

Henrique Souza

Henrique Souza

Relações Públicas e fundador da Agência Clave. Blogueiro de diversas empresas e promotor de práticas digitais mais honestas e transparentes. Um eterno orgulhoso das boas avaliações que recebe de seus clientes. Um brasileiro otimista.

Comentários

  1. IGOR CARVALHOS - 22/11/2019

    Toda essa era do marketing digital em 2019, está muito poluída por pessoas que só querem ensinar a ganhar dinheiro. Na verdade, acho que 95% das pessoas que ganham dinheiro de verdade no marketing (digital) são os low profiles. Ser blogueirinho é fácil. Ter resultado não.

    Ganhar dinheiro é suado, seja com qualquer profissão. Eu defendo a pessoa procurar sua missão de vida (sem clichê). Porque tudo que estiver fora da sua vocação vai se tornar um peso. E eu experimentei isso durante 6 anos da minha vida. E o pior é que se acumula com responsabilidades, cansaço fisico e mental…

    Então, acho que o marketing (digital) é muito mais do que isso. Falo marketing entre parenteses porque considero isso um marketing normal. É só mais uma modalidade dentro desse assunto que sou fascinado.

    Resumindo, é isso: concordo plenamente e acho que devemos mudar isso! Alguns players estão fazendo isso muito bem e faço questão de citá-los. Segue abaixo:
    – Vitor Carvalhosa (gestor de tráfego)
    – Tiago da Mahavi (afiliado profissional – Método Pim)
    – Vinicius Vaz (Lançamentos – Lançamento Hipodérmico)

    • Henrique Souza - 06/08/2020

      Concordo, infelizmente as fórmulas milagrosas de vendas só servem para vender a própria fórmula milagrosa e mais nada. Obrigado pelo comentário Igor. 🙂