Facebook

Por que meus leads do tráfego orgânico não vêm qualificados?

Por em
Por que meus leads do tráfego orgânico não vêm qualificados?

É comum que boa parte dos leads que chegam nos sites por meio do tráfego orgânico não sejam qualificados, o que significa que possuem um potencial de conversão menor.

Portanto, veja a seguir o motivo pelo qual isso ocorre e entenda como melhorar essa situação a seguir.

Organizamos este conteúdo da seguinte forma:

  1. Identifique

    Por que os leads do tráfego orgânico não vem mais qualificados como antes?

  2. Entenda

    Benefícios da qualificação de leads e como explorar isso?

  3. Resolva

    Como qualificar seus leads?

Por que os leads do tráfego orgânico não vem qualificados?

Bora para os motivos mais recorrentes…

1 – Sua estratégia não está personalizada

Todo conteúdo deve ser feito pensando em atrair clientes, então se você não personalizar suas mensagens de marketing ou comunicações no tráfego orgânico, é menos provável que seu público se sinta conectado ou engajado com sua marca.

A falta de personalização pode resultar em leads menos qualificados, já que o mesmo acaba não sendo direcionado para clientes com interesse no seu produto/serviço.

2 – Você ainda não tem um público

Caso você não esteja criando conteúdo adequadamente para um público-alvo, o alcance de visitantes será apenas daqueles não têm interesse real em seu produto ou serviço. Por isso, seus leads a se tornam não qualificados.

3 – Conteúdo não direcionado

O conteúdo do seu site ou blog precisa estar alinhado com as necessidades e interesses do seu público-alvo, se não estiver, é comum que você atraia visitantes que não estão interessados no que você oferece e, consequentemente, não terá o resultado esperado.

É preciso ter dados de qualidade e sempre monitorá-los. Prefira relatórios baseados nos dados do Google Analytics.

4 – Palavras-chave inadequadas

Se as palavras-chave que você está usando para otimizar seu conteúdo não estão alinhadas com as intenções de pesquisa do seu público-alvo, a qualidade dos seus leads orgânicos serão afetados.

5 – Resultados de pesquisa com baixa relevância

Outro ponto que pode desqualificar seus leads são a relevância do conteúdo. Se o Google ou outros motores de busca não considerarem seu conteúdo relevante o suficiente para determinadas consultas de pesquisa, provavelmente seu tráfego não vai subir.

6 – Informações desatualizadas

Os leads dependem das informações para atrair um cliente em potencial, caso o conteúdo do seu site ou blog esteja desatualizado, ou impreciso, o alcance será prejudicado. Os visitantes podem ficar desapontados ao descobrir que as informações não são relevantes para suas necessidades atuais.

7 – Experiência do usuário pobre

Se o design do seu site for confuso, difícil de navegar, lento ou não fornecer uma boa experiência para o usuário, os visitantes não chegarão ao objetivo final. Uma experiência ruim pode fazer com que os mesmos abandonem o site rapidamente, sem se envolverem ou converterem em leads.

8 – Falta de CTA efetivo

Se o seu site não tiver chamadas claras para ação (CTAs) ou se os CTAs não forem convincentes o suficiente, os visitantes não serão motivados a continuar no site. Assim as informações de contato não serão fornecidas, o que impossibilitará a conversão de leads.

9 – Processo de geração de leads complexo

Além disso, o excesso de pedidos para informações pessoais, que tornam o processo de geração de leads complexo e demorado, são um ponto para os visitantes desistirem no meio do caminho, dificultando a conversão.

10 – Falta de nutrição de leads

Sem um sistema de nutrição de leads efetivo funcionando sempre, os conteúdos orgânicos podem esfriar e perder a qualidade ao longo do tempo. A falta de acompanhamento e engajamento contínuo leva a qualificação inadequada dos leads.

11 – Segmentação ruim

O conteúdo ou estratégia de SEO pode não estar direcionado ao público-alvo correto. Então, é crucial garantir que suas palavras-chave e marketing de conteúdo sejam assertivos para chegar nos leads que possuem um maior potencial de conversão.

12 – Expectativas não alinhadas

Pode ser que seus títulos ou meta descrições criem expectativas erradas nos visitantes. Dessa forma, se eles não acham o que esperam ao chegar em seu site, é provável que não comprem seus produtos ou serviços.

13 – Falta de informações suficientes

Quando o conteúdo em seu site não oferece informações completas e com todos os detalhes possíveis, os visitantes podem ficar pouco confiantes. Então, é bom se certificar de ter dados relevantes e claros.

14 – Problemas técnicos

Veja se não há problemas técnicos em seu site que possam afetar a experiência do usuário (UX). Por exemplo, se a página demorar para carregar ou se houver erros de usabilidade, os visitantes podem abandonar o website antes mesmo de se tornarem leads.

15 – Falta de confiança

Talvez seu site não transmita confiança suficiente para o seu público-alvo. Por isso, é bom ter certeza de ter um design profissional, depoimentos de clientes, certificações e outros elementos que ajudam a gerar credibilidade.

16 – Concorrência forte

O nicho de mercado em que você está pode ter muita concorrência no tráfego orgânico. Assim, se seus rivais apresentarem um conteúdo mais atrativo, uma proposta de valor que convença mais ou ofereça uma experiência de usuário melhor, eles vão atrair mais leads qualificados.

Imagem de corrida com barreiras

Por que é importante ter leads qualificados?

É importante ter leads qualificados, porque eles têm mais chances de se converterem em clientes reais e com isso agregar valor ao seu negócio. Por isso, confira algumas razões pelas quais se deve buscar uma boa segmentação.

Maior taxa de conversão

Quem tem um interesse genuíno em seu produto ou serviço é mais fácil de criar uma relação onde a empresa se engaje. Isso porque, eles têm uma chance de se tornarem clientes fiéis, o que aumenta a sua taxa de conversão de modo significativo.

Aumento nas vendas

Leads qualificados têm um potencial maior de se tornarem clientes fiéis. Então, ao direcionar seus esforços de marketing e vendas para leads que estão mais alinhados com seu público-alvo e suas necessidades, dá para aumentar sua chance de fechar mais negócios.

Economia de tempo e recursos

Quando se tem foco em possíveis clientes é possível direcionar esforços para as pessoas certas. Dessa forma, se evita desperdiçar tempo e recursos financeiros com leads que não têm interesse real em seu produto ou serviço, o que aumenta a eficiência em suas operações.

Melhor experiência do cliente

Ao colocar seus esforços de marketing em leads qualificados, você pode personalizar suas mensagens e ofertas de acordo com o que eles precisam. Assim, isso resulta em uma experiência mais relevante e personalizada, que é essencial para:

  • Inbound Marketing;
  • fidelização dos clientes;
  • diminuir o custo por aquisição.

Essa combinação é muito útil para gerar satisfação e fidelidade, o que melhora as suas vendas. Portanto, é crucial investir na satisfação para ter mais chances de que voltem a buscar a sua marca.

Retorno sobre o investimento (ROI) mais alto

Ao investir em campanhas de marketing direcionadas para quem tem mais chances de se tornar um cliente, a marca tem maior probabilidade de obter um retorno sobre o investimento mais alto.

Os esforços de marketing serão feitos para um público que tem maior potencial de se converter em novos usuários. Assim, todo o dinheiro gasto nesse setor tem uma chance maior de gerar receita e ampliar os seus lucros.

Como qualificar seus leads?

Para qualificar seus leads, você precisa ter um plano, além de definir algumas estratégias e táticas. Por isso, confira algumas formas de conseguir segmentar melhor a sua persona que chega pelo tráfego orgânico.

Defina seu perfil de cliente ideal (Buyer Persona)

Comece a criar uma representação em detalhes sobre o seu cliente ideal, que leve em conta características demográficas, interesses, necessidades e comportamentos. Além disso, com isso dá para identificar quais leads têm maior potencial de se tornarem compradores valiosos.

Utilize formulários e perguntas relevantes

Dá para coletar dados dos visitantes do seu site ou de landing pages por meio de formulários. Então, inclua perguntas que ajudem a entender o nível de interesse e adequação do lead. Nesse sentido, você pode perguntar informações como:

  • cargo;
  • setor;
  • desafios específicos;
  • intenção de compra.

Tudo isso serve para conseguir criar um padrão e definir quem são as suas personas. Assim, é uma das etapas mais interessantes para construir um meio de captar leads qualificados com uma certa frequência.

Siga o engajamento do lead

Analise o comportamento que os usuários têm em seu site, como páginas visitadas, tempo gasto nas páginas, conteúdo baixado ou eventos de conversão. Dessa forma, dá para fornecer insights sobre o que eles mais desejam para o interesse e o envolvimento com seu negócio.

Pontue seus leads

Crie um sistema com base em critérios como nível de interação, como se adequar ao perfil de cliente ideal, ações feitas e outros indicadores relevantes. Portanto, atribua pontos a cada interação e veja a pontuação para determinar quem está mais qualificado.

Gere marketing automático

Busque meios de automatizar o marketing para gerar um bom conteúdo e que seja individual para cada pessoa, com base no comportamento. Então, ajude a educar e nutrir os leads ao longo do ciclo de compra, o que permite identificar quem está próximo de se tornar cliente.

Realize a qualificação por meio do contato direto

Considere a chance de realizar ligações telefônicas, enviar e-mails personalizados ou fazer reuniões com leads que tem um alto interesse e engajamento. Afinal, as interações fornecem dados valiosos e ajudam a determinar o nível de qualificação dos leads.

Equipe Clave

Equipe de Redação da Agência Clave.A equipe de profissionais formados em comunicação da Agência Clave eventualmente estuda sobre o que fazem  e compartilham seus novos aprendizados, a fim de disseminar seus conhecimentos.

Comentários